O que você pode fazer para salvar a Amazônia?

Meio Ambiente

O que você pode fazer para salvar a Amazônia?

Você provavelmente sabe de toda a polêmica em torno daquele decreto envolvendo a Renca (Reserva Nacional de Cobre e seus Associados). O decreto foi suspenso na última quarta-feira por decisão da Justiça Federal do Distrito Federal, mas isso não garante que o assunto vá parar por aí.

 

Esse caso abriu espaço para pensar sobre a relação que nós, brasileiros, temos com a Amazônia. A primeira reação quando alguém fala sobre a floresta é dar um salto e mandar tirar a mão, já que ela é “o pulmão do planeta”, rica em biodiversidade, com recursos hídricos que o mundo todo tá de olho, etc, etc. Corremos pra trocar o avatar nas redes sociais e deixar bem claro que “Somos Amazônia”. Mas e aí, será que somos mesmo?

 

Uma coisa que ninguém fala – ou quer falar – é que a floresta vem sendo desmatada há anos, e escancaradamente, para criação de gado e plantio de grãos que, na maioria, servem para alimentar esses animais. Imagens de satélites não deixam dúvidas: a Amazônia está virando pasto. Uma pesquisa revelou que lá tem mais boi do que de gente – em 2016, eram 85 milhões de cabeças de gado para 25 milhões de habitantes. E todo ano, apenas 128 frigoríficos são responsáveis pela morte de 12 milhões animais, que atendem a demanda interna e exportação.

1494791452_516488_1494793046_noticia_normal_recorte1

Helicóptero do IBAMA sobrevoa área desmatada ilegalmente.

 

Então, bora falar com todas as palavras? A pecuária é a maior responsável pelo desmatamento da região amazônica. Não somos nós que estamos dizendo. São pesquisas do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), da ONG americana Forest Trends, do Instituto do Meio-Ambiente de Estocolmo e mais uma lista que vai longe, incluindo gente do mundo todo, preocupados com a situação.

 

Então, desculpa, mas não dá pra se dizer realmente preocupado com a Amazônia quando se consome carne e derivados de animais em volumes alarmantes, como a gente já conversou por aqui. E se estamos realmente preocupados com o desmatamento, é hora de repensar não só o consumo de carne, mas o consumo em geral.

 

A mineração é também está acabando com a biodiversidade da nossa floresta. Mas essa exploração exagerada já vem acontecendo há anos e anos. E mesmo assim, a gente segue querendo smartphones, computadores, carros, e tantas coisas que são feitas com minérios que saem adivinha de onde? E as empresas também falham, e falham muito. Não pensam em fechar o ciclo, fazer logística reversa ou reciclar os produtos usados. Todos querem extrair matéria virgem, quando já chegamos em um nível insustentável de exploração.

 

Então a gente vai te convidar a pensar novamente na pegada ecológica. E também a refletir sobre a maneira como lidamos com o consumo e como isso afeta o meio ambienteO real desafio é parar de fechar os olhos para as principais fontes de desmatamento da Amazônia quando elas batem de frente com a nossa comodidade. Não é que você não deve mudar o seu avatar e fazer barulho quando tudo que você quer é que a Amazônia seja protegida. Mas o barulho tem que ser real, acompanhado de mudanças de pensamento e atitude, porque isso sim faz a diferença.


Insecta Shoes

Insecta Shoes

Calçados veganos e ecológicos, feitos a partir do reaproveitamento de roupas vintage.